quarta-feira, 1 de maio de 2013

É

Sabe o que é mais estranho, percebi que não sinto a falta de ninguém. Penso nas pessoas, em alguns momentos e nada. Como se nada preenchesse isso. Antes apesar de toda a confusão, no fundo eu sempre pensava que se tivesse isso, aquilo, ou alguém, tudo estaria bem. Mas agora, agora não é mais bem assim.
E, isso é tão estranho, torna tudo tão desolador.


Nenhum comentário:

Postar um comentário